Concurso Hacker Cidadão em Fortaleza (CE)



  

Inscrições podem ser feitas até o dia 11 de abril.

Em Fortaleza, no estado do Ceará, foi divulgado o período de inscrições para o I Concurso de Desenvolvimento de Aplicativos para a Cidade (Hacker Cidadão). A seleção pegará 10 projetos que atenderem todos os critérios que foram propostos, que são: impacto na cidade, viabilidade, inovação e qualidade do código e da proposta tecnológica.

As inscrições podem ser feitas até o dia 11 de abril no site do Hacker Cidadão – hackercidadao.fortaleza.ce.gov.br.

Estão aptos a participar do concurso pessoas de qualquer área de modo individual ou em grupo (até cinco pessoas). A exceção fica para funcionários da administração pública do município e os seus parentes e até primeiro grau.

Serão três projetos premiados, sendo que o primeiro lugar fica com R$ 7 mil e Kit IBM (mochila de rodinhas e camisetas), o segundo lugar com R$ 5 mil e Kit IBM (mochila de costas e fone de ouvido), e o terceiro colocado com R$ 3 mil e Kit IBM (mochila de saquinho e carregador de celular).

Todos os participantes poderão fazer o uso da estrutura que a IBM oferece. Aqueles que desejarem, podem utilizar a tecnologia Bluemix. Ela é uma plataforma em nuvem que possibilita que sejam criados, gerenciados e executados várias aplicações na cloud (web ou móveis) em qualquer tipo de linguagem de programação.





A Unifor (Universidade de Fortaleza) vai ceder para os candidatos o seu laboratório BlueLab, que fica no campus da instituição devido a uma parceria com a IBM.

O que é o Hacker Cidadão?

O projeto é uma iniciativa feita pela prefeitura da cidade de Fortaleza com o apoio da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova), da IBM e da Unifor.

O intuito desta ação é fazer o estímulo do empreendedorismo para as soluções web ou apps móveis que possam, em um futuro próximo, ser úteis em serviços públicos, além de contribuir para que se tenha uma melhoria de vida na cidade e seus problemas de cunho urbano.

Todos os candidatos do concurso poderão fazer uso de dados referentes da cidade de Fortaleza, os quais estão disponíveis em fontes públicas ou privadas. Há um conjunto de dados que a Citinova oferece para todos no Portal de Dados Abertos.

Mais informações estão disponíveis no site do Hacker Cidadão. 



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *